17 de setembro de 2011

Especial - Three Days Grace (Life Starts Now)



Depois de um tempinho considerável sem nenhum especial, voltaremos com essa série com o melhor dos especiais que fiz até agora. Melhor por vários motivos e cito dois logo de cara. Three Days Grace junto com Linkin Park e Panic! At The Disco são as bandas cujo todos os álbuns de estúdios já ouvi milhares de vezes, então posso falar bem melhor sobre essas bandas do que em relação as outras. E o segundo motivo é que esse álbum é o melhor dos álbuns dos especiais, nem o Teenage Dream da Katy Perry consegue ser melhor que esse álbum, que álias é o melhor dos álbuns do Three Days Grace.

Eu sei que esse álbum não é nenhum lançamento, afinal ele saiu em 2009. E que deveria ter colocado ele bem antes, mas na época ainda não existia nenhum especial, e admito que só escutei esse álbum por inteiro faz pouco tempo.

Na verdade até pensei fazer um Especial com os três álbuns de estúdio da banda, Three Days Grace, One-X, e Life Starts Now, mas ficaria um post muito cheio e feio visualmente. Se nesse post já colocarei seis vídeos deles, sendo os quatro singles do álbum Life Starts Now e mais duas músicas que não poderiam ficar de fora desse post. Na verdade as doze músicas caberiam aqui, pois todas são realmente muito boas, e isso é algo digno de aplausos pois é dificil um álbum ter todas as músicas com uma qualidade superior.

Break foi o primeiro single do álbum e mostra todo o lado Metal Alternativo da banda, uma música com uma pegada mais forte que te empolga desde o começo. O clipe apesar de ser bem simples é muito bonito graficamente e combina perfeitamente com a pegada da música. Que álias não é nada complicada de ser cantada, muito em função da voz e do sotaque do Adam Gontier, o vocalista, que conseguimos entender perfeitamente o que ele diz.

Letra: Break




O segundo single desse álbum foi o The Good Life, velha conhecida aqui do blog, pois já fiz um post sobre essa música aqui. The Good Life assim como Break tem uma pegada mais forte e uma letra fácil de ser entendida, porém o clipe de The Good Life é mais complexo e melhor produzido, na minha opinião do que o clipe de Break.

Letra: The Good Life




World So Cold que tem uma pegada mais leve que em relação as duas primeiras músicas foi o terceiro single desse álbum. Apesar de ter uma pegada mais leve, não se engane, a música ainda assim possui uma sonoridade pesada. Para mim é absolutamente impossível não fazer um movimento de contar os dias na parte que o Adam Gontier canta "counting the days" no refrão da música. Deixo vocês aqui com uma versão ao vivo dessa música.

Letra: World So Cold




Lost In You assim como World So Cold possui uma pegada mais de boa, álias bem mais de boa, essa é uma música mais voltada para o Rock Alternativo do que para o Metal Alternativo. E assim como em World So Cold deixo aqui uma versão ao vivo dessa música.

Letra: Lost In You




Agora vamos as duas músicas que não são singles mas que não poderiam ficar de fora daqui desse especial. A primeira delas é Last To Know, essa definitivamente não poderia ficar de fora desse especial, e digo mais essa é música que merecia um post apenas para ela, pois é absurdamente linda. O refrão dessa música é algo indescritível. É uma música para se apreciar como um bom vinho.

Letra: Last To Know




Se Last To Know foi fácil de se escolher essa segunda música foi extremamente díficil, pois todas as músicas do álbum são lindas. Mas vou adotar o critério de colocar a música que dá o nome para o álbum, portanto a escolhida foi Life Starts Now. Que é uma música que possui uma pegada não tão forte, mas também não é tão leve, ela fica exatamente no meio termo. As vezes lembra Metal Alternativo, as vezes lembra Rock Alternativo. Deixarei vocês aqui um vídeo Mash dessa música.

Letra: Life Starts Now